Sala de Imprensa
09/05/2015
Locomotiva sai atrás na decisão do Capixabão
Desportiva volta a perder por 1 a 0 para o Rio Branco e precisa de dois gols de diferença no Kleber Andrade para conquistar o título

Henrique Montovanelli

Assessoria de Imprensa - Desportiva Ferroviária

 

O placar repetiu pela terceira vez neste Capixabão. Na primeira partida da decisão histórica contra o Rio Branco, após 30 anos, a Desportiva voltou a perder por 1 a 0, na Arena Unimed Sicoob, dessa vez com gol de João Paulo, e precisa reverter o resultado, vencendo por dois gols de diferença no estádio Kleber Andrade, no próximo sábado, para conquistar o título e a vaga para a Série D do Campeonato Brasileiro.

 

O Rio Branco começou mais perigoso, com Ramon, de fora da área, e João Paulo, de cabeça. Aos 23 minutos foi a vez da Tiva responder com o lateral Maxwell, que tabelou com Tatá e chutou para fora. Em seguida, veio a melhor chance do primeiro tempo e da Desportiva na partida. Erivelton recebeu na esquerda, dentro da área, chutou no contrapé de Paulo Vitor, mas o goleiro se esticou todo para fazer uma grande defesa, na ponta dos dedos, vendo a bola passar perto da trave esquerda.

 

No segundo tempo, as melhores chances foram grenás. Logo no começo, Erivelton arriscou de longe, Paulo Vitor defendeu, mas ninguém alcançou o rebote. Tatá também teve a sua chance. O meia recebeu uma bola pronta para o chute, cara a cara, mas errou a finalização e mandou para fora. O castigo veio de novo na segunda metade da etapa final. Aos 34 minutos, João Paulo arrancou pela esquerda, em velocidade, fugiu da marcação e rolou para Edu, que finalizou e obrigou Felipe a fazer ótima defesa, mas o camisa 10 do Rio Branco aproveitou o rebote e marcou o gol da vitória. No último ataque, aos 47 minutos, a Tiva quase empatou, quando Leleu invadiu a área pela direita e chutou forte, mas o goleiro capa-preta defendeu com a perna. Um dos mais experientes do elenco grená, Felipe pede tranquilidade do time durante a semana e crê que o grupo pode reverter a situação.

 

“Nossa equipe tem que ter tranquilidade agora. Não jogamos mal, perdemos gols, e eles, que tiveram menos chances, foram felizes na finalização. Já revertemos situações adversas várias vezes neste campeonato e na história recente da Desportiva. O fato deles terem nos vencido três vezes não significa nada para essa segunda partida. Não vivemos de estatísticas. 1 a 0 é um placar que podemos recuperar e temos confiança nisso”, analisa o goleiro.

 

O maior clássico do futebol capixaba volta a acontecer no próximo sábado (16), às 16h30, no estádio estadual Kleber Andrade. O empate dá o título ao capa-preta, e a vitória grená por um gol de diferença leva a disputa para os pênaltis. Para conquistar o título no tempo regulamentar, a Tiva precisa vencer por dois gols de diferença, e terá o retorno do artilheiro Alexandre Acerola.

 

Desportiva Ferroviária: Felipe; Ivan, Thiago (Victor Hugo), Eron e Maxwell; Tabata, Bruninho Araújo, Tatá (Leleu), Erivelton e Marcos Alagoano (Jean Sá); Ramon. Técnico: Mauro Soares

 

Público Pagante: 4.752
Renda: R$ 132.080,00





Veja mais:

23/03/16 - Desportiva e Farmácia Mônica vão sortear quatro camisas oficiais para Sócios Torcedores
03/05/18 - NOTA OFICIAL 03/05/2018 - Desportiva confirma participação na Copa Espírito Santo
02/05/15 - Tiva e Atlético empatam na última rodada do Hexagonal
14/07/15 - Tiva contrata atacante Ermes Júnior
26/03/18 - Desportiva realiza ação social em ONG
17/04/17 - Novo comandante Grená, é apresentado
20/03/15 - Tiva goleia GEL em jogo-treino
16/02/16 - Vitória importante para a Tiva
29/08/15 - Invencibilidade grená cai nos últimos minutos
20/07/15 - Desportiva lança programa Sou Grená e faz homenagem aos 11 primeiros sócios

    veja lista completa

Campeonato Capixaba 2018
1Desportiva Ferroviaria 14 9 3
2Rio Branco F.C. 3 1 1
3Vitória Futebol Clube 1 1 0
4Serra Futebol Clube 1 1 0
VFC
1 x 1
DES
DES
1 x 1
SFC